MULHERES PESCADORAS DE ARRAIAL DO CABO: IMAGINÁRIO, REPRESENTAÇÕES E GÊNERO.

Autores

  • Rosane Barbosa Marendino Universidade Federal Fluminense
  • João Gilberto da Silva Carvalho IFRJ/Campus Arraial do Cabo

Resumo

O artigo articula e problematiza a teoria das representações sociais e o imaginário em uma perspectiva de gênero, tendo como ponto de partida um grupo de quinze mulheres que se dedica à pesca no município de Arraial do Cabo, Rio de Janeiro. A narrativa dessas mulheres, bem como a análise bibliográfica das características sociais da cidade, levou-nos à conclusão de que o mar está presente não apenas nas práticas sociais e econômicas, mas nas manifestações simbólicas que envolvem memória, tradição, identidade e imaginação cabista. A trajetória antropológica – o nosso envolvimento atento aos ares e mares da cidade – trouxe-nos a poética do espaço de Bachelard em toda sua força.

Biografia do Autor

Rosane Barbosa Marendino, Universidade Federal Fluminense

Doutora em Educação. Professora Adjunta da Universidade Federal Fluminense/Faculdade de Educação

João Gilberto da Silva Carvalho, IFRJ/Campus Arraial do Cabo

Professor de Sociologia do IFRJ/Campus Arraial do Cabo, onde ocupa a Direção Geral. Doutor em Psicologia pela UFRJ

Downloads

Publicado

30-03-2014