1.
Crispim RB. Estratégias singulares de agendamento: o caso do Greenpeace. Rev. Comunic. & Inform. [Internet]. 14º de maio de 2013 [citado 29º de junho de 2022];6(2):75-86. Disponível em: https://revistas.ufg.br/ci/article/view/24210