"O Poder das Mãos"

modos de ver os artesanatos e os artesãos de Santa Catarina na visualidade de um catálogo (1980)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/vis.v17.53678

Palavras-chave:

Artesanato, Políticas culturais, Regimes de visualidade

Resumo

O catálogo “O Poder das Mãos” foi publicado na década de 1980, pelo Programa Catarinense de Desenvolvimento do Artesanato (PROCARTE), em parceria com a Fundação Catarinense do Trabalho (FUCAT) e a Fundação Roberto Marinho. O artigo tem o objetivo de analisar na visualidade do catálogo “O Poder das Mãos”, os modos como os artesanatos e os artesãos de Santa Catarina eram mostrados pelas políticas culturais do Estado nesse período, desvelando as suas questões de estética e política com o intuito de identificar a produção e inversão de sentidos inserida na sua linguagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mara Rúbia Sant’Anna Muller, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, sant.anna.udesc@gmail.com

Pós-doutorado em História (Université de Strasbourg, 2011) e em Artes Visuais (UFRJ, 2017). Professora da Universidade do Estado de Santa Catarina. Membro permanente do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da UDESC. Líder do Grupo de Pesquisa “Moda, Artes, Ensino e Sociedade”. Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. sant.anna.udesc@gmail.com

Gabriel Cruz de Souza, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, profgabrielhistoria@gmail.com

Mestre em História pelo Programa de Pos-Graduação em História do Tempo Presente da Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC. Membro do Grupo de Pesquisa “Moda, Artes, Ensino e Sociedade”. Professor de História pela Prefeitura Municipal de Joinville, Santa Catarina, Brasil. Email: profgabrielhistória@gmail.com

Referências

ALEGRE, Sylvia Porto. Mãos de mestre: itinerários da arte e da tradição. São Paulo: Maltese, 1994.

AMIN, Espiridião; FONTANA, Victor. Carta Dos Catarinenses: Santa Catarina: Um Compromisso Com o Futuro, 1982.

AMIN, Esperidião. Resposta à carta dos catarinenses. Florianópolis: Governo do Estado de Santa Catarina, 1987.

ARTESANATO de Santa Catarina, O poder das mãos. [Florianópolis]: Fundação Catarinense do Trabalho, [198?]. 64 p. ISBN (Broch.).

CANCLINI, Néstor Garcia. As culturas populares no capitalismo. São Paulo: Brasiliense, 1983. 149p.

______. A globalização imaginada. São Paulo: Iluminuras, 2007. 223 p.

______. A Socialização da arte. teoria e prática na América Latina. São Paulo: Cultrix, 1980.

CASSAGNES, Sophie. Le commentaire de document iconographique en histoire. Paris, 1996.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano: artes de fazer.9. ed. Petrópolis: Vozes, 2003.

GARCIA JUNIOR, Edgar. Práticas regionalizadoras e o mosaico Cultural Catarinense. Dissertação de Mestrado em História pela Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis: Ed. da UFSC, 2002.

HALL, Stuart. El trabajo de la representación. In: Representation: Cultural Representations and Signifying Practices. London, Sage Publications, 1997. Cap. 1, pp. 13-74. Traducido por Elías Sevilla Casas.

ISER, Wolfgang. O ato de leitura: uma teoria do efeito estético. Tradução: Johannes Kretschmer. São Paulo: Ed. 34, 1996, v. 1.

JOLY, Martine. Introdução à análise da imagem. Tradução de Marina Appenzeller Campinas: Papirus, 2008.

LAUER, Mirko. Crítica do artesanato: plástica e sociedade nos Andes peruanos. Tradução Heloisa Vilhena de Araujo. São Paulo: Liv. Nobel, 1983.

LIMA, Ricardo Gomes. Objetos: percursos e escritas culturais. São José dos Campos/SP: Centro de Estudos da Cultura Popular; Fundação Cultural Cassiano Ricardo, 2010.

METZ, Christian. O significante imaginário: psicanálise e cinema. Tradução de: Antônio Durão. Livros Horizonte, 1980, Portugal.

ORTIZ, Renato. Cultura brasileira e identidade nacional. 5. ed. São Paulo: Brasiliense, 1994.

______. A Moderna Tradição Brasileira. São Paulo: Brasiliense, 2001.

RANCIÈRE, Jacques. A partilha do sensível: estética e política. Tradução de Mônica Costa Netto. São Paulo: EXO experimental org, Ed. 34, 2005.

SAYÃO, Thiago Juliano. Nas veredas do folclore: leituras sobre política cultural e identidade em Santa Catarina (1948-1975). Dissertação de Mestrado em História pela Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis: UFSC, 2004.

Downloads

Publicado

2020-01-21

Como Citar

SANT’ANNA MULLER, M. R.; DE SOUZA, G. C. "O Poder das Mãos": modos de ver os artesanatos e os artesãos de Santa Catarina na visualidade de um catálogo (1980). Visualidades, Goiânia, v. 17, p. 20, 2020. DOI: 10.5216/vis.v17.53678. Disponível em: https://revistas.ufg.br/VISUAL/article/view/53678. Acesso em: 9 dez. 2023.

Edição

Seção

Artigos