Integração das artes: os azulejos de athos Bulcão - DOI 10.5216/vis.v6i1eI2.18069

Autores

  • Bárbara Duarte UFG

DOI:

https://doi.org/10.5216/vis.v6i1ei2.18069

Resumo

O artigo apresenta uma análise do trabalho de Athos Bulcão como azulejista em espaços públicos de Brasília. Tratamos especificamente de uma característica fundamental das obras analisadas, a integração entre arte e arquitetura, sendo esta um conceito da arquitetura moderna. Para tanto, far-se-á uso da idéia desenvolvida por Nikolaus Pevsner que define a fusão das belas artes com as artes industriais e as artes decorativas, sendo essa essencial para a concepção da arquitetura moderna. Serão levantados os aspectos da formação do artista em relação a uma concepção de arte como atividade social, bem como o aparato sócio-político que contribui para o estabelecimento de um conjunto de ações, um programa, que privilegia a integração das artes em detrimento de uma atividade artística especializada e desarticulada. Este trabalho está vinculado à pesquisa desenvolvida para a obtenção do título de mestre em arte, e ao laboratório processos de significação das imagens nas artes visuais.

Palavras-chave: Azulejaria, História da Arte no Brasil,

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-04-18

Como Citar

DUARTE, B. Integração das artes: os azulejos de athos Bulcão - DOI 10.5216/vis.v6i1eI2.18069. Visualidades, Goiânia, v. 6, n. 1 e 2, 2012. DOI: 10.5216/vis.v6i1ei2.18069. Disponível em: https://revistas.ufg.br/VISUAL/article/view/18069. Acesso em: 15 jun. 2024.

Edição

Seção

GT1 - Teoria, História e crítica da arte e imagem