DESCOLORAÇÃO DO CORANTE FOOD BLUE NO 1, POR MEIO DE USO DE FIBRAS SILICÁTICAS DE AMIANTO (CRISOTILA 5S) COMO SUPORTE PARA FUNGO Ganoderma applanatum

Autores

  • Josely Batista Rabelo
  • Luiza Cintra Campos
  • Paulo de Tarso Ferreira Sales
  • Monike Fabiane Alves Ribeiro Lacerda
  • Mariângela Fontes Santiago

DOI:

https://doi.org/10.5216/ref.v10i1.23438

Resumo

Este trabalho teve como objetivo estudar a interferência das fibras silicáticas de amianto (Crisotila 5S) como suporte de cultura dos fungos, tendo como parâmetros de determinações as atividades enzimáticas de lacase, lignina peroxidase e manganês peroxidase como produtos microbianos e a descoloração do corante Food Blue nº 1 por meio da espectrofotometria do visível. Foi utilizado o microrganismo Ganoderma applanatum, as soluções de corante azul brilhante nº 1 e a crisotila 5S. O tratamento biológico foi efetuado em uma mesa agitadora refrigerada à temperatura de 28º C e 180 rpm na ausência de luz, sendo que foram colocados 100 mL de efluente em um erlenmeyer de 250 mL e acrescentado os conteúdos das placas (meio de cultura + fungo) e a crisotila. Os tempos de tratamento foram de 24, 48, 72 e 96 h. Foi observado que para concentração de 0,125 g.L-1, houve significativa degradação do corante pelo G. applanatum e a adsorção da crisotila pelo fungo. Portanto, neste trabalho, o uso de crisotila como suporte para crescimento de fungos em meio líquido, aumentou significativamente a produção enzimática de lignina peroxidase, concomitante com a diminuição da absorbância da solução em 630 nm (?máx), indicando boas perspectivas no processo degradativo desse corante. 10.5216/ref.v10i1.23438

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

31-03-2013

Como Citar

Rabelo, J. B., Campos, L. C., Sales, P. de T. F., Lacerda, M. F. A. R., & Santiago, M. F. (2013). DESCOLORAÇÃO DO CORANTE FOOD BLUE NO 1, POR MEIO DE USO DE FIBRAS SILICÁTICAS DE AMIANTO (CRISOTILA 5S) COMO SUPORTE PARA FUNGO Ganoderma applanatum. Revista Eletrônica De Farmácia, 10(1), 24. https://doi.org/10.5216/ref.v10i1.23438

Edição

Seção

Artigos Originais