Verdade, sentido e presença: História e historigrafia em Heidegger e Gumbrecht DOI10.5216/o.v7i9.9333

Autores

  • Flávia Florentino Varella

DOI:

https://doi.org/10.5216/o.v7i9.9333

Resumo

Este artigo discute as similitudes entre a proposta de uma cultura de presença exposta por Hans Ulrich Gumbrecht e a filosofia de Martin Heidegger. Gumbrecht sugere que na cultura ocidental existem duas formas de lidar com o mundo: a cultura de sentido e a cultura de presença. Nosso argumento é que a reflexão de Gumbrecht pode ser associada a elementos de fundamental importância dentro da filosofia heideggeriana. Palavras-chave: Hans Ulrich Gumbrecht, cultura de presença, Martin Heidegger.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávia Florentino Varella

Licenciada pela Universidade Federal de Ouro Preto.

Downloads

Publicado

2010-03-27

Como Citar

VARELLA, F. F. Verdade, sentido e presença: História e historigrafia em Heidegger e Gumbrecht DOI10.5216/o.v7i9.9333. OPSIS, Goiânia, v. 7, n. 9, p. 113–126, 2010. DOI: 10.5216/o.v7i9.9333. Disponível em: https://revistas.ufg.br/Opsis/article/view/9333. Acesso em: 24 set. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Teoria da História