Nazistas pelo mundo: a organização para o exterior do Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães DOI 10.5216/o.v12i2.18348 DOI 10.5216/o.v12i2.18308

Autores

  • Taís Campelo Lucas Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.5216/o.v12i2.18348

Palavras-chave:

Nazismo, Partidos políticos, Ideologia, Alemanha, Partido Nazista

Resumo

Representado em oitenta e três países ou territórios, o Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães (NSDAP) concentrou em sua Organização para o Exterior os esforços de união dos cidadãos alemães residentes fora da Alemanha sob a doutrina nazista. O presente artigo analisa sua formação e objetivos na criação de núcleos partidários em países estrangeiros, assim como suas conseqüências internas e externas para a diplomacia do Terceiro Reich.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Taís Campelo Lucas, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Professora colaboradora do Programa de Pós-Graduação em História da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Bolsista do Programa Nacional de Pós-Doutorado da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (PNPD/CAPES). Doutora em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Downloads

Publicado

2012-12-20

Como Citar

CAMPELO LUCAS, T. Nazistas pelo mundo: a organização para o exterior do Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães DOI 10.5216/o.v12i2.18348 DOI 10.5216/o.v12i2.18308. OPSIS, Goiânia, v. 12, n. 2, p. 281–307, 2012. DOI: 10.5216/o.v12i2.18348. Disponível em: https://revistas.ufg.br/Opsis/article/view/18348. Acesso em: 12 ago. 2022.