HISTÓRICO DAS AÇÕES DE CONTROLE DA FILARIOSE LINFÁTICA EM OLINDA, PERNAMBUCO, BRASIL

Abraham Rocha, Elizabete Miguel dos Santos, Paula Oliveira, Eduardo Brandão

Resumo


A filariose linfática é uma parasitose que afeta regiões tropicais e subtropicais. No Brasil, apenas a região metropolitana de Recife (Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes e Paulista) ainda é considerada como foco ativo de transmissão da parasitose. Diante disso, o objetivo deste trabalho foi descrever o histórico das atividades de controle da parasitose em Olinda- PE, área que por muito tempo apresentou número significativo de casos, evidenciando as principais ações desenvolvidas desde o ano de 1987. Ao longo de aproximadamente 30 anos, muitos estudos clínico-laboratoriais e epidemiológicos foram desenvolvidos no município.

Recentemente, mais de cinco ciclos de tratamento em massa com citrato de dietilcarbamazina foram realizados na área, com uma adesão de mais de 65% de toda a população, o que contribuiu para a redução da microfilaremia local a taxas inferiores a 1%. Esse fato viabilizou a implantação da pesquisa de avaliação da transmissão, etapa decisiva para definição da situação atual da filariose linfática e de novas estratégias de controle e vigilância.


Palavras-chave


Wuchereria bancrofti; filariose; Olinda; programa de controle.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5216/rpt.v45i4.44603

Logotipo do IBICT
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.revistas.ufg.br/index.php/iptsp


Visitantes: contador de visitas